Andanças do Carlão da Publique são reunidas em livro

Em evento muito prestigiado durante a Expozebu 2015, Carlão da Publique mostrou seu lado escritor e apresentou a amigos e convidados o livro Andanças, uma coletânea de crônicas escritas ao longo de aproximadamente oito anos, entre 2006 e 2014.
Muito conhecido pela atuação no marketing do agronegócio – é presidente do Grupo Publique -, Carlão “pede licença” da agitada vida profissional para trazer aos leitores um cenário de lembranças e emoções vividas pelo autor desde 2006, agora compartilhadas e expostas através da obra. “É uma leitura que, sem dúvida, vai emocionar a todos”, diz Carlão. “Meu sonho de criança se transformou no meu jeito de levar a vida: trabalhar muito para viajar e conhecer o mundo. Este sonho inspirou estas crônicas, que me inspiraram a reuni-las neste livro”, revela.

O prefácio do livro é do jornalista e diretor de redação da Revista DBO Rural, Demétrio Costa, um dos mais respeitados jornalistas do país, que foi editor da TV Cultura e da Rádio Bandeirantes, antes de ingressar no jornalismo rural brasileiro, há mais de 30 anos. Demétrio é o Homem do Ano da Mídia, prêmio que recebeu no final de 2014, outorgado pela Associação Brasileira dos Criadores, a centenária ABC. Aliás, Carlão também recebeu este Prêmio da ABC, no ano de 2012, quando foi considerado o Homem do Ano da Mídia. Por tudo isso, este lançamento literário se traduz num evento importante do agronegócio neste ano.

“O Marketing Rural, do qual é craque, fica nas entrelinhas. Afinal, é ele que justifica tantas andanças. Ao fazer um balanço de seu 2007, Carlão confessa que só passou quatro finais de semana em casa, foi 21 vezes a Uberaba, rodou mais de 80 mil quilômetros, e viajou 120 horas de avião; sim, uma pequena parte dessas horas e dessa quilometragem em férias, hábito que preza e luta para preservar ao lado da companheira Vera. Há uma fartura de relatos desses períodos de relaxamento e enriquecimento cultural”, relata Demetrio.

O livro Andanças será vendido unicamente por remessa postal para qualquer parte do Brasil pelo valor de R$ 65,00. Os contatos e aquisições devem ser feitos pelo fone: 11 3090.5963.

TRAJETÓRIA  

Em 1986, Carlão tinha apenas 20 anos de idade e ainda era um estudante de jornalismo na PUC-SP, onde se graduaria no ano de 1988, quando já teria fundado o que se conhece hoje como Grupo Publique.

“Me lembro como se fosse hoje quando, em 1986, ainda como funcionário do Departamento de Marketing da Pecplan Bradesco, participei pela primeira vez da ExpoZebu. Fui entrevistar um criador chamado Orestes Prata Tibery Júnior, com quem mantive longa amizade até seu desaparecimento trágico, em 2013. Naquele ano, vendia muito sêmen na Pecplan, um touro de sua criação, o Pakar POI OT. E por isso fui entrevistá-lo. Ele sempre foi um zebuzeiro da prateleira de cima e não foi por acaso que chegou a ser presidente da ABCZ, muitos anos depois”, conta o autor do livro Andanças.

Nesse ano, acrescenta o autor, “o Grande Campeão Nacional foi o touro Vasuveda POI, do querido amigo Claudio Fernando Garcia de Souza, conhecido como Claudio Totó, outro pecuarista com quem mantenho longa amizade até os dias atuais. Também me lembro que na batida do martelo do Leilão Noite dos Campeões estavam os leiloeiros Antonio Carlos Pinheiro Machado e Daniel Bilk Costa.”

E vai adiante: “O Orestinho realizava o seu Leilão Nacional OT, precursor do hoje conhecido Leilão Elo de Raça.”

As palavras relacionamento, amizade e conexão são os pontos fortes do trabalho de mais de 30 anos dentro do agronegócio, protagonizado pelo autor.

SOBRE O AUTOR

Nascido em Porangaba (SP) no ano de 1965, Carlos Alberto iniciou a lida muito cedo. Aos 14 anos trabalhou como entregador de compras no supermercado Miori, em Rio das Pedras (SP) e dos 16 aos 17 foi boia-fria em Porangaba.

Ainda com 17 anos, Carlos Alberto se tornou técnico agrícola em Rio das Pedras, para depois, já com 18 anos, se tornar bancário do Bradesco, trabalhando na sede do banco em Osasco.

Foi a partir dos 20 anos, em Osasco (SP), que o jovem de Porangaba começou a dar os primeiros passos pelos caminhos do agronegócio. À época atuava com assistente de marketing do Bradesco/Pecplan e foi quando participou pela primeira vez da Expozebu.

O gosto pelo segmento levou Carlos Alberto da Silva a trabalhar, com apenas 21 anos de idade, como redator e contato publicitário da Revista dos Criadores.

O grande salto na carreira profissional acontece no ano seguinte. O jovem de 22 anos cheio de ambição se torna sócio fundador do Grupo Publique, em São Paulo (SP).

Dos 23 aos 30 anos Carlão investiu na formação profissional. Formou-se em jornalismo pela PUC-SP e fez especialização em marketing e Intensivo de Agronegócios  ESPM-SP, ambos pela ESPM-SP.

Nos anos seguintes, Carlão se estabeleceu em outros setores, mas sempre ligados ao agronegócio. Virou criador de gir leiteiro em Porangaba e passou a integrar e apoiar importantes iniciavas, sendo presidente da ASSERRA (Associação dos Produtores Rurais dos Bairros Serrinha, Rio da Serra, Mirandas e Ribeirão das Conchas), presidente da APCGIL (Associação Paulista dos Criadores de Gir Leiteiro), Membro do COSAG  ( Conselho Superior do Agronegócio) da FIESP, voluntário no Hospital das Clínicas, jurado SIFE Brasil e SIFE New York (2007) e  delegado no CANNES LIONS (2004).

Carlão é publisher do AgroGuia, Folha de São Paulo desde 2012, publisher da Revista AgroRevenda desde 2011, foi editor da Revista Gir Leiteiro entre 2009 e 2014, colunista e membro do Conselho Editorial da Revista Bureau entre 2009 e 2012,  escreveu a coluna Andança na Revista AG  entre 2008 e 2012, escreveu a coluna Andanças na  Folha da Cidade de Porangaba  entre 2006 e 2011, editor do site www.turistaprofissional.com.br  desde 2003 e presidente do Grupo Publique desde 1998.

SERVIÇO

Livro: Andanças

Autor: Carlão da Publique

Editora: Publique Editora

Valor: R$ 65,00 (unicamente por remessa postal para qualquer parte do Brasil)

Páginas: 248

Contatos e aquisições: (11) 3090.5963

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com