Churrasco gaúcho no Dia de Campo Pitangueira

Programação técnica e confraternização marcaram o evento de chamada para o leilão anual do Braford Pitangueira.

“Um evento perfeito, com a cara da Pitangueira. Eles fazem a gente se sentir em casa e passam essa energia familiar aos convidados.” O comentário é do criador Rafael Macedo, da Fazenda Amarra, de Lavras do Sul/RS, referindo-se ao Dia de Campo Pitangueira, realizado na Fazenda Espinilho, no município gaúcho de Maçambará, no último final de semana. As frases são complementadas por elogios direcionados aos temas definidos e trabalhados nas palestras, à apresentação do gado do leilão anual e à maior atração do dia: o Combate de Assados Pitangueira, em que ele obteve a segunda colocação. “Nós fizemos matambre, ojo de bife, picanha e costela de tira. Vencemos pelos critérios de apresentação do corte e pela criatividade e recebemos até premiação. Mas a grande vitória mesmo foi de todos que estiveram presentes, pois a qualidade da carne Braford Pitangueira era excepcional”, disse Rafael,  que trabalhou ao lado dos amigos Hector Suñe e Mauber Moreira na competição.

Já a equipe vencedora, liderada por Gonçalo Costaguta Matas Solés e composta por João Degrazia Matas Solés, João Vicente Costaguta Matas Solés e Eduardo Marques Ayub, preparou o melhor assado de tira, entrecot e maminha nos quesitos de maciez, suculência e sabor. “O combate de assadores foi uma grande ideia para a confraternização. A carne facilitou muito o nosso trabalho e, na verdade, todos ganharam pela experiência de consumir um produto superior, obtido a partir de uma genética que resulta em precocidade e alta qualidade”, disse o criador Gonçalo, proprietário da Estância Madruga, de Itaqui, que participará com quatro matrizes selecionadas no remate da Espinilho, durante o 2º Leilão Pitangueira e Convidados.

Cinco equipes disputaram o Combate de Assados e quase 100 convidados estiveram presentes no Dia de Campo. Nas palestras, foram abordados os temas “Suplementação em campo nativo”, por Thiago Carvalho, da empresa Brasão do Campo; “Controle do carrapato”, por Carlos Cordovés, da Ourofino Saúde Animal; e “Seleção e melhoramento genético Braford Pitangueira”, por Luis Rafael Lagreca, técnico que, há quase três décadas, contribui com a evolução do criatório. A gira do gado foi mais um dos pontos altos da programação. Touros e ventres foram repassados e apresentados em todas as suas características superiores de morfologia, bem como na genealogia e nos índices do programa de melhoramento da Conexão Delta G.

“A base de formação do Braford Pitangueira nasceu com alicerce em avaliações genéticas que vieram tanto do Hereford quanto do Nelore. Desde o início, idealizamos um rebanho com animais preparados para produzirem e serem eficientes nas condições de qualquer região do nosso país tropical, aliando o que cada uma das duas raças tem de melhor como, por exemplo, a precocidade do Hereford e a adaptação do Nelore. Todo o nosso rebanho é avaliado pela Conexão Delta G. Acreditamos que deve-se a isso a consistência genética do Braford Pitangueira”, contou a criadora Clarissa Rohde Lopes Peixoto, registrando, ainda, agradecimentos ao apoio de amigos e parceiros. “Nosso Dia de Campo foi um sucesso e ficamos muito satisfeitos com a presença de todos e o apoio dos parceiros Josapar, Sicredi, Ourofino Saúde Animal, Arroz Pitangueira e Brasão do Pampa”, destacou.

O Dia de Campo atraiu a atenção de diversos veículos de comunicação de todo o Brasil. Um programa especial foi produzido para o Canal Rural pela equipe do Pecuária em Foco, da jornalista Pilar Velasquez, e será exibido nessa sexta-feira, dia 20, às 19h50.

As próximas agendas do Braford Pitangueira estão marcadas para outubro. No dia 5, será realizada a 2ª edição do Leilão Pitangueira & Convidados, com a oferta de 100 touros e 100 fêmeas. Além das avaliações, os animais do remate serão disponibilizados com calendário sanitário completo e atestados negativos para zoonoses. Os machos têm testes andrológicos positivos e as fêmeas possuem comprovação de fertilidade. Já no dia 12, o grande encontro será em Cachoeira do Sul, no Ginásio da Fenarroz, para o Leilão Heritage 2019.

2º Leilão Pitangueira e Convidados
Produtos: 100 touros, 100 fêmeas e cavalos Percheron
Data: 5 de outubro de 2019
Horário: 14h
Local: Fazenda Espinilho, Maçambará/RS
Transmissão: Canal Rural
Leiloeiras: Programa Leilões e Parceria Leilões

Sobre o Grupo Pitangueiras – O Grupo Pitangueira é referência na agricultura brasileira pelo cultivo em áreas irrigadas e o Arroz Pitangueira é um dos líderes na produção gaúcha, com uma das principais unidades de beneficiamento e comercialização do Rio Grande do Sul. Igualmente referência é a seleção de bovinos da raça Braford, formada a partir de uma sólida seleção da raça Hereford com a de Nelore Mocho. O plantel, considerado a marca do Braford brasileiro, tem uma história que se confunde com a trajetória desses animais no País. A Pitangueira foi pioneira na comercialização da genética Braford no Brasil e está presente em 70% do território nacional. Seu fundador, o criador Pedro Monteiro Lopes, é um dos idealizadores da Conexão Delta G, o mais antigo programa de melhoramento genético brasileiro e com o maior banco de dados. O rebanho também é aprovado pelo Ministério da Agricultura com o CEIP – Certificado Especial de Identificação e Produção e se destaca pela rigorosa seleção, sempre voltada para a produção de carne de qualidade a partir da criação a pasto. O Grupo Pitangueira é o maior vendedor de touros Braford e o segundo maior vendedor de reprodutores taurinos do País, e realiza seu leilão tradicional sempre na primeira semana do mês de outubro. A diretora do Arroz Pitangueira, Clarissa Rohde Lopes Peixoto, é membro da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Arroz, Conselheira da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ) e uma atuante defensora das atividades, que empregam milhares de pessoas e garantem alimento a toda a população brasileira e mundial.