Governo promove ações para retirar vacinação na Região Norte

Estadão Conteúdo – O Ministério da Agricultura intensificou as reuniões com representantes dos Estados da Região Norte do País para definir as medidas necessárias para a retirada da vacinação do rebanho contra a febre aftosa, a partir de 2019, e a decretação de país livre da doença sem vacinação, em 2023. As ações integram o Plano Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (Pnefa).

Conforme o ministério, em nota, nos dias 23 e 24 deste mês, será realizada, em Porto Velho, a primeira reunião com os Estados de Rondônia, Acre e os vizinhos Amazonas e Mato Grosso, que compõem o bloco1 do Pnefa, além da Bolívia e Peru.

“O bloco não engloba necessariamente o Estado inteiro. Pode ser apenas parte dele. Por isso, foram incluídos os vizinhos”, relata no comunicado o diretor do Departamento de Saúde Animal, Guilherme Marques, do ministério.