Semex lança série de vídeos sobre interpretação de provas nos Catálogos de Leite Importado

Com o objetivo de levar informação ao pecuarista, a Semex Brasil lança série de série de vídeos feito com especialistas da empresa que detalhará a interpretação de provas nos Catálogos de Leite Importado.

No primeiro, o Diretor Técnico de Raças Leiteiras, Claudio Aragon, abordou as formas de avaliar touros pelas prova americana, considerada a mais utilizada no campo para se escolher os animais.

Segundo Aragon, atualmente há dois tipos de provas distintas: a de progênie, baseada na avaliação das progênies nascidas e paridas, e a prova de avaliação genômica, em touros novos, sem filhas paridas e que é feita ao analisar a genotipagem do animal.

Na avaliação genômica, o especialista recomenda a análise do Índice Nacional de Seleção Americana (GTPI), que avalia uma série de aspectos da prova do touro como produção, tipo, saúde, fertilidade, longevidade, entre outros, que entram numa fórmula e resultam no índice geral do touro. “É um índice extremamente útil para ranquear os touros, baseado no equilíbrio dessas características citadas”, explica.

Assista o vídeo clicando aqui