Senepol reforça corpo técnico e atendimento

A associação conta agora com 36 técnicos de registro em 13 estados brasileiros, que atuam periodicamente em quase 1.000 propriedades de criadores da raça, entre associados e cadastrados.

A ABCB Senepol incluiu mais três membros no corpo de técnicos e inspetores do Serviço de Registro Genealógico (SRG) e do Programa de Melhoramento Genético do Senepol (PMGS). Foram aprovados e admitidos os médicos-veterinários Antonio Emanoel M. de Oliveira Jr., de Salvador/BA, e Ciro Gassenferth Oliveira, de Cesário Lange/SP, além do zootecnista Antônio Roque da Costa Jr., de Guajará Mirim/RO.

O credenciamento de técnicos que atendem a raça Senepol é um processo criterioso e segue normas rigorosas, de acordo com as regras do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Todos os técnicos do SRG Senepol têm formação superior em algum curso da área de Ciências Agrárias. As inscrições dos candidatos ao credenciamento são aceitas após aprovação da Diretoria e do Conselho Deliberativo Técnico (CDT), que avaliam a demanda e a real necessidade do serviço na região de atuação do profissional. Só após essa liberação os candidatos ingressam no processo de seleção, que envolve várias etapas de treinamento, e nos cursos em que são aplicadas provas teóricas e práticas, bem como um teste psicotécnico.

A última fase antes da admissão é um estágio prático supervisionado. O candidato será avaliado no campo por técnicos efetivos de registro, de acordo com o conteúdo programático aplicado na etapa de treinamento. O sistema exige o mínimo de 30 horas de dedicação, com a inspeção de pelo menos 50 animais para registro, ao menos em dois criatórios, sendo necessário obter no mínimo dois pareceres favoráveis dos técnicos para ser credenciado. O aspirante a técnico terá o desempenho avaliado em 10 itens, com nota de 1 a 5 para cada atribuição, e será aprovado com pontuação igual ou maior que 30. O prazo para a conclusão da última fase do processo é de 6 (seis) meses. Para finalizar o credenciamento, o candidato terá que cumprir pelo menos 8 (oito) horas de estágio na sede da associação para conhecimento dos sistemas do SRG, do PMGS e de todos os procedimentos do setor, com instrução direta do Superintendente Técnico.

A relação completa com os nomes e contatos dos membros do SRG Senepol pode ser acessada em https://senepol.org.br/equipe/tecnicos/  No site da associação, os pecuaristas também conseguem preencher formulário para se associar ou pedir cadastramento na ABCB Senepol e, para aqueles que já são associados, o termo de adesão ao PMGS, programa em que os técnicos de campo também atuam diretamente.

Sobre a ABCB Senepol – A ABCB Senepol é delegada do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) no Brasil para a execução do Serviço de Registro Genealógico da raça Senepol. Hoje, o Brasil é referência mundial em seleção da raça, que se consolida na pecuária de corte nacional por ser precoce, dócil, rústica e ter bom rendimento de carcaça. Mais informações: www.senepol.org.br